sexta-feira, junho 29, 2007

White Stripes - Icky Thump (2007)

Finalmente Jack White voltou a trabalhar no que de melhor ele sabe fazer. Os fãs do Raconteurs que me perdoem, mas era um álbum muito fraco. Faltava criatividade, ou mesmo mais força na maior parte do disco. Talvez com exceção da belíssima balada Together.

Agora em 2007, sem muito alarde, chega as lojas o belíssimo Icky Thump. Meg não está esquecida, e voltou com suas batidas simples, fortes e únicas. Ela está longe de ser uma grande baterista, ou mesmo uma baterista mediana. Mas ela é única neste sentido. A melhor pior baterista. Atendeu nossas preces e está de volta.

O disco abre com a porrada que leva o mesmo nome. Os solos mais inspirados da carreira de Jack, uma base forte cheia de riffs Zeppelianos. Os discos da dupla já demonstraram várias vezes que são um punhado de ótimas músicas misturando blues, rock e country. Tudo bastante retro mesmo, criando um clima que remete totalmente aos anos 60 e 70.

A faixa conquest já é uma das minhas candidatas de melhor música do ano, e talvez a melhor música da dupla. Ela é enfeitada por diversos metais criando uma atmosfera mexicana maravilhosa. A música por si só vale o disco.

Bom retorno da dupla. Espero que Jack mantenha seu foco aqui, onde ele sabe explorar melhor suas ideias, e deixe aquele projeto fraquinho de lado.

2 comentários:

Thais disse...

Aah! Vou ter que discordar, mas e pra isso que serve blog, hehe. Raconteurs nao e um projeto fraco, e um projeto focado. E ok, Icky Thump e legalzinho, mas disperso pra caramba. "Icky Thump" tem uma batida animal, e e super catchy. "Conquest" nao e original deles, mas eles deram uma roupa bem bacana, ok tambem. Mas tirando "Prickly Thorn, But Sweetly Worn" que eu amo porque tem gaita de fole (demais!), achei o resto bem, bem disperso.
Prefiro os riffs Zeppelianos dos Raconteurs. Ja escutou "Hands"? :)

João Madrid disse...

ahh eu adoro hands.... rs.. bom.. eu acho que esse é o problema do Sr. White.. ele sempre faz albuns que dificilmentes são genias... ai ai sinto uma falta imensa de um disco que destroi do inicio ao fim.

e obvio, descordar é viver rs =)