sexta-feira, agosto 17, 2007

A Eterna Busca Pelo Demônio Interior.

Todos temos um Demônio, não no sentido conhecido da palavra, mas sim no sentido de uma entidade que nos eleva para entrarmos em contato com algo maior. Bom ou mal é uma questão de ponto de vista. Todos devemos tentar achar esse demônio interno.

Quero sentir os fogos de artificio explodindo em milhões de sensações. Quero sentir tudo, ao máximo, nem que seja motivo de minha morte, queria sentir o mundo. Ser a borboleta que voa até a chama para só assim saber como realmente é belo o fogo.

2 comentários:

mafra disse...

isso me lembrou fernanda pessoa (um de seus heterônimos, possivelmente)

deixo ao cego e ao surdo
a alma com fronteiras
que eu quero sentir tudo
de todas as maneiras


beijones

mafra disse...

ops, fernando pessoa