segunda-feira, setembro 24, 2007

La Môme - Uma Vida em Rosa (2007)

Direção - Olivier Dahan (Ghost River que é muito bonito.)

E o Oscar de melhor atriz vai para Marion Cotillard pelo filme La Môme. Marion quebra várias barreiras e faz uma protagonista perfeita para este filme que ousa, com maestria, contar a vida da cantora francesa Edith Piaf. Um filme que acabou por me pegar totalmente surpreso, não havia nem sequer ficado sabendo da produção dele nem nada, quando vi já estava assistindo essa maravilha.

Creio que o título no Brasil será Uma Vida em Rosa que seria a tradução para o título internacional La Vie en rose. Os grandes destaques seriam a história de vida desta cantora que influenciou gerações e a atuação única que Marion conseguiu realizar neste filme. Seus 140 minutos passam voando enquanto assistimos de forma mão linear, porém de muito bom gosto, a trajetória desta conturbada estrela francesa. A direção é firme e mesmo fazendo diversos saltos cronológicos mantém o clima perfeito para cada cena sem perder a força sentimental e sem cair em momentos enfadonhos.

A trilha dispensa comentários obviamente e a fotografia tem ótimos momentos. Uma grata surpresa para quem gosta de filmes com biografias musicais tais como Ray ou Johnny & June. Deve pintar em breve nos cinemas nacionais. Acredito que venha a ser uma das atrações da mostra de cinema de São Paulo.



Padam! Padam! Padam!

Um comentário:

Lamartine disse...

O Filme é simplesmente maravilhoso!!! Após assistir fiquei sem caber em mim!! Estou muito grato aos idealizadores deste!! E parabéns a grande atriz que interpretou a Edith Piaf!! Valeu Marion!!!!